Menu fechado

Chá de gengibre queima gordura? Saiba como usar a planta para emag

Chá de gengibre queima gordura? Saiba como usar a planta para emag

Gengibre é um tempero e erva importante. Ele tem sido bem estudado devido ao seu potencial na perda de peso e os resultados indicam que o gengibre emagrece. Descubra como usar o gengibre para emagrecer, como funciona isso e o que esperar ao incluir o gengibre no seu plano de perda de peso.

O que é Gengibre?

Gengibre se refere ao rizoma de Zingiber officinale que possui usos culinários e medicinais. Embora seja nativo do Sul da Ásia, também cresce comumente no Caribe e no Leste da África.

O gengibre é um tempero comum em muitos pratos asiáticos e os rizomas jovens são flexíveis e comestíveis. Os rizomas secos e fibrosos são os geralmente usados como tempero, conservantes e agentes de sabor. Eles são geralmente transformados em pó e usados na preparação de confeitos como bolo de gengibre e bebidas como cerveja de gengibre.

O odor e sabor característicos do gengibre se devem a diferentes grupos e compostos fenóis como gingerol, shogaol e zingerona.

O gingerol é um óleo volátil que tem se mostrado responsável pelos efeitos analgésicos, anti-inflamatórios, antibacterianos, antipiréticos, motilidade gastrointestinal e sedativos. Esses óleos também são candidatos para remédios anticâncer em diferentes estudos preliminares.

Alguns dos compostos gingerols se tornam shogaol e zingerona quando o gengibre é cozido ou seco. Shogaol dá ao gengibre seu sabor picante enquanto a zingerona é responsável pelo aroma da erva.

O gengibre também contém óleos essenciais com a zingiberena sendo a maior parte desses óleos. Outros óleos essenciais populares encontrados no gengibre são farneceno, cineol e citral.

Gengibre fresco contém 80,9% de água, 0,9% de gordura, 12,3% de carboidratos, 2,3% de proteínas, 2,4% de fibras e 1,2% de minerais. Raiz de gengibre contém vitaminas do complexo B, vitamina A e C, assim como ferro, potássio e fósforo. Ele também é rico em fibras. As raízes têm um valor nutricional maior que a raiz crua.

Veja também:  Como fazer um bolo de caneca de chocolate?

Na medicina tradicional, o gengibre tem sido usado há muito tempo para tratar disfunções gastrointestinais incluindo prisão de ventre, gases, diarreia, náusea e cólica.

Curiosamente, pesquisas médicas modernas encontraram mais usos para o gengibre que a medicina tradicional. Algumas das novas indicações para o gengibre incluem seu uso no tratamento de náusea e vômito devido a enjoo de movimento, quimioterapia ou gravidez.

Também é usado algumas vezes em terapia adjunta no tratamento de câncer e doença cardíaca. O gengibre comprovadamente reduz dor nas juntas na osteoartrite.

Estudos preliminares indicam que o gengibre pode reduzir níveis de colesterol e prevenir a formação de coágulos no sangue.

O tratamento de náusea e vômito é o aspecto mais estudado dos benefícios do gengibre à saúde. Os resultados nem sempre são positivos, mas há estudos suficientes que provam a utilidade do gengibre no tratamento de vômito de causas variadas.

Como o Gengibre Emagrece?

Servindo Como Um Ajudante na Digestão

O gengibre pode melhorar a digestão aumentando o pH do estômago e estimulando as enzimas digestivas. Devido ao seu alto conteúdo de fibras, o gengibre aumenta a motilidade gastrointestinal.

A combinação desses dois efeitos significa que nutrientes essenciais são absorvidos rapidamente, enquanto os alimentos não essenciais que causam inchaço e prisão de ventre são eliminados rapidamente.

Um sistema digestivo eficiente pode ajudar a processar alimentos mais eficientemente, e isso pode contribuir para a perda de peso porque a massa dos alimentos ingeridos pode ser processada eficientemente e eliminadas do corpo.

Além disso, uma digestão eficiente quer dizer um uso ideal da energia armazenada no corpo. Assim, os processos envolvidos na digestão podem ajudar a utilizar a glicose no sangue assim como a gordura armazenada.

Melhorando o Metabolismo

Vários estudos sugerem que o gengibre também é um agente termogênico que pode ajudar a queimar gordura.

Veja também:  SAIBA O SUPORTE COMPLETO PARA VOCÊ SE TRANSFORMAR NUMA MAKE DE SUCESSO

Um estudo holandês confirma que o gengibre emagrece, podendo melhorar a taxa metabólica do corpo e que deve ser recomendado para tratamento de obesidade. Além disso, há relatos de que o gengibre pode aumentar o metabolismo em até 20%.

Ao aumentar a taxa de metabolismo, o gengibre pode ajudar a queimar um pouco da gordura armazenada no corpo. Isso não se traduz apenas como perda de peso, mas também pode ajudar a reduzir os níveis de colesterol e triglicérides, já que o corpo queima toda a gordura que entra.

Aumentando a Saciedade

Se pensava que o gengibre ajudava na perda de peso principalmente afetando a taxa metabólica. Entretanto, um novo mecanismo sobre como o funciona gengibre para emagrecer foi descoberto em um estudo de 2012 publicado na revista Metabolism.

O estudo foi publicado por pesquisadores do Centro de Pesquisa em Obesidade de Nova York e Universidade de Columbia, e envolveu 10 homens saudáveis, mas acima do peso. Os pesquisadores deram chá de gengibre ao grupo para acompanhar seu café da manhã normal por um dia e então apenas o café da manhã normal no dia seguinte.

Os pesquisadores então monitoraram a sensação de fome antes do café da manhã (com ou sem o chá de gengibre) e toda hora após, assim como as calorias queimadas.

Os resultados do estudo mostraram que o gengibre tinha um efeito significante na sensação de saciedade após comer.

Esse efeito era significante mesmo com uma única dose de gengibre e bem antes dos efeitos termogênicos e diminuidores de colesterol pudessem agir.

Esse estudo mostra que o gengibre pode aumentar a perda de peso ao aumentar a sensação de saciedade após uma refeição. Ao reprimir o apetite, o gengibre é uma forma eficaz de evitar a ingestão de mais calorias de alimentos, e assim, emagrecer.

Tomar Gengibre Para Emagrecer

O gengibre está disponível na forma de raízes secas ou frescas. Elas podem ser usadas de várias formas, incluindo a preparação de alimentos ou para fazer o chá de gengibre.

Veja também:  Como instalar o Elisa Music Player no Linux: Um reprodutor de músicas moderno baseado em Qt

Como um suplemento de ervas, o gengibre também é oferecido na forma de extratos, capsulas e óleos.

O gengibre não deve ser dado a crianças menores de 2 anos e mesmo adultos devem consultar seus médicos antes de tomar gengibre, especialmente se estiverem tomando outros remédios ou suplementos.

Não há doses padrão de gengibre para emagrecer. Entretanto, a dose máxima diária é de 4 gramas. Mulheres grávidas não devem tomar mais do que 1 grama por dia da erva.

Uma forma comum de ingerir o gengibre é fazer chá de gengibre. Uma vez pronto, o chá pode ser adoçado como necessário.

Os efeitos colaterais do gengibre são raros e a erva é considerada segura. Ainda assim, alguns dos efeitos colaterais reportados incluem queimação, inchaço, irritação no estômago, diarreia e irritação na boca. Eles podem ser evitados tomando a cápsula do extrato da erva.

O gengibre geralmente não é recomendado para pessoas com condições cardíacas, diabetes e sangramentos. Além disso, ele não deve ser combinado com anticoagulantes e nem mesmo aspirina, para prevenir sangramento excessivo.

De forma similar, o gengibre não deve ser combinado com medicações para diabetes, pois ele baixa os níveis de açúcar no sangue e pode causar hipoglicemia. Remédios para hipertensão também devem ser evitados, já que o gengibre baixa a pressão arterial e pode causar hipotensão.

O gengibre emagrece realmente? Sim, mas os resultados são pequenos. Ao invés de usar apenas gengibre para emagrecer, você deve combiná-lo com alguns outros suplementos para perda de peso. Além disso, os melhores resultados são obtidos ao combinar gengibre com exercícios e uma dieta saudável.

Por Mundo Boa Forma

Artigo Original

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *